NOTÍCIAS

Voz de mãe é poderosa e pode diminuir dores em bebês

Um estudo da Universidade de Gênova, na Itália, mostrou que ouvir a voz da mãe pode servir como uma espécie de analgésico para os bebês e, assim, reduzir significativamente as dores em crianças, principalmente prematuras.

Segundo pesquisadores, atos simples como falar ou cantar para o recém-nascido, tem efeito similar a alguns fármacos. Os pesquisadores notaram que os níveis de dor do bebê caiam de 4,5 para 3,8 quando as mães cantavam e para 3 quando elas conversavam com os recém-nascidos.


A pesquisa foi desenvolvida na intenção de entender que substâncias poderiam substituir os medicamentos que, em quase todos os casos, não são recomendados para bebês que nascem prematuramente. A pesquisa está publicada no periódico IFL Science.



Redação

0 visualização